Início > Tecnologia e Educação > REA Brasil: entrevista com Bárbara Dieu

REA Brasil: entrevista com Bárbara Dieu

O Blog dos Recursos Educacionais Abertos (reanet) está com novidades! Agora podemos encontrar a “aba” entrevista, uma nova série dedicada aos membros da comunidade REA Brasil.

A educadora Bárbara Dieu (professora de inglês língua estrangeira no Lycée Pasteur em São Paulo, bastante envolvida em novas mídias e cultura digital) foi a escolhida para começar e dá um testemunho muito interessante sobre o uso dos REA.

Para Bárbara os REA são:

Os REA em si nada mais são do que um produto que será usado, criado e remixado de acordo com os diferentes olhares e necessidades. Como educadora, o que me interessa mais é que os REA nos dão a oportunidade de optar por um processo cujo foco é a aprendizagem, a criação, a partilha e a remixagem abertos – e não a propriedade fechada, a compra e o consumo. Um recurso aberto é também a possibilidade de buscar, brincar, indagar, desafiar, modificar, tecer, quebrar, corrigir, e poder também compartilhar, constatar, discutir e refletir sobre o que coletamos, criamos ou produzimos com outros para que mais possam fazer o mesmo e aprendam, criem, remixem, re-construam e melhorem o ciclo.

A educadora também destaca a escassez de recursos educacionais abertos em português:

No âmbito público, os obstáculos residem principalmente na organização, na coordenação, na vontade política e no financiamento. Há uma escassez de recursos abertos em português que possam ser usados como base para remix e para a criação de novos. Muitos projetos começam e são abandonados, retirados do circuito quando o financiamento acaba.

Para quem deseja começar a trabalhar com REA, Bárbara diz:

Acredito que o acesso ao conhecimento e à pesquisa não deve ser negado a ninguém, nem restrito àqueles que podem pagar. O que posso dizer é que busquem se informar, observar seu entorno em sua complexidade e como ele se insere dentro de um mundo maior. Comecem com pequenos desafios, ideias e contribuições. Juntem-se a uma comunidade de prática, coletem, partilhem e publiquem abertamente seus links, seu conteúdo, o resultado de seu trabalho, o de seus alunos e da comunidade a quem pertencem, bem como a reflexão sobre o processo e novas propostas de ação.

Leia a entrevista completa no blog do REA, onde Bárbara dá um testemunho muito interessante, clicando aqui.

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: